Culinária 5 cantinas italianas em SP

post por Cantão

Culinária 5 cantinas italianas em SP

Culinária, Achados

Qualquer momento é momento de se deliciar com uma bela pasta e outras iguarias italianas. Concorda? Por isso listamos alguns dos melhores restaurantes para se mangiare bene em São Paulo!

Os restaurantes italianos com penduricalhos no teto e jeito de trattoria são uma das grandes preciosidades da cidade. Abertas originalmente como pontos de venda de vinho em tonéis, as primeiras cantinas paulistanas só serviam petiscos a quem aguardava enquanto as garrafas eram cheias. Explica-se: cantina, em italiano, significa adega!

Independente da origem, estes restaurantes são incríveis. Confira a lista:

post-cantinacequesabe_02

Conhecida como a “Casa da Tarantela”, a cantina C… Que Sabe já foi condecorada com o selo Ospitalità Italiana, conferido pela União das Câmaras de Comércio Italianas.

Com ingredientes originais e naturais, a cantina é uma das mais antigas da cidade, inaugurada em 1931 no tradicional bairro italiano da Bela Vista — mais conhecido como Bixiga. Além dos pratos típicos, a decoração alegre e colorida com objetos rústicos pendurados no teto, deixam o espaço acolhedor e impessoal.

Vai lá: Cantina C…Que Sabe – R. Rui Barbosa, 192 – Bela Vista, SP.

post-cantina-mancini01

Famiglia, escrito assim, em italiano, é a palavra que melhor resume um típico almoço de fim de semana no Famiglia Mancini — que ocupa uma rua com 5 diferentes casas. Aqui, a decoração kitsch também impressiona! A variedade da trattoria é incrível.

post-cantina-mancini02

São centenas de itens no cardápio de carnes, massas e risotos e um bufê de antepastos extenso, com uma variedade enorme de frios, embutidos e conservas. As receitas são bem generosas, deixando qualquer pedida render quentinhas recheadas pra levar pra casa. É preciso chegar cedo para evitar a longa fila de espera no fim de semana!

R. Avanhandava, 81 – Bela Vista, SP.

post-cantinagigioi01

No Gigio, os pratos também são tão fartos que meia porção é um exagero mesmo para os casais. Sorte das famílias grandes e dos grupos de amigos numerosos, que dividem as massas regadas a muito molho.

Fundada em 1971 no Brás por Luigi Salvel, a cantina ganhou filial em Pinheiros em 1995. O carinhoso apelido de Gigio, comumente dado na Itália ao nome Luigi, selou a marca da cantina. Aqui, as duas pedidas indispensáveis são o tagliarini verde e o pão de calabresa de entrada!

Vai lá:  R. dos Pinheiros, 355 – Pinheiros, SP.

post-cantina-polpetona

A alegria dos almoços em família também não é diferente na cantina Jardim di Napoli. Aberta desde 1949, a casa é famosa pelo seu polpettone à parmegiana. A receita inconfundível foi criada por Toninho Buonerba, figura ilustre entre a colônia italiana na cidade.

Vai lá: Rua Doutor Martinico Prado, 463 – Centro, SP.

_mg_2615-jpg

O salão do Il Sogno di Anarello é colorido por mesas de toalhas vermelhas e decorado por camisas de times de futebol, paixão do fundador. Poucos personagens no mundo dos restaurantes foram tão célebres quanto Giovanni Bruno em seu tempo. Entre as décadas de 1960 e 1980, o italiano reinou como um dos mais atenciosos maitres-cozinheiros da cidade. O tortellini, um dos pratos artesanais mais apreciados na Itália, é uma das especialidades da casa.

Vai lá: R. Il Sogno di Anarello, 58 – Vila Mariana, SP.

Fartura e sorrisos que fazem jus à herança italiana! 😉

Tweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone
FacebookInstagramVimeoPinterestTwitter

Direto do Insta

  • Sonhos e desejos por viver novas histórias nos acompanham no caminho. Conheça a nova coleção
#NaBagagem nas lojas e no site.

Assine nossa news

Arquivo