Culinária panzanella genial!

post por Carol Poli

Culinária panzanella genial!

Culinária, Cozinha Literária

A autora misteriosa Elena Ferrante começa a sua saga napolitana com “A Amiga Genial“, a história das vidas entrelaçadas de duas amigas, Lila Cerullo e Elena Greco. No livro, acompanhamos a infância das duas no pós-guerra italiano, uma situação de pobreza e limitações, aonde a morte é um acontecimento corriqueiro.

As duas amigas são as meninas mais inteligentes da escola: enquanto Elena é esforçada e estudiosa, Lila é brilhante por natureza e sedenta por informações e conhecimento. A história, narrada por Elena, demonstra as complexidades da amizade feminina. Lila exerce sobre Elena (e sobre a maioria dos personagens também) uma atração irresistível, que a motiva, mas também a faz competir com a amiga.

O grande trunfo desse livro é a escrita de Ferrante, que é fluída mas ao mesmo tempo feroz. Com isso quero dizer que, várias vezes, eu senti o impacto das palavras, as descrições muitas vezes me causaram uma reação física. Essa capacidade da autora de evocar sensações é realmente impressionante. Eu, quando li, pude entender muito bem o que dirige os personagens e acredito que isso é um mérito enorme da maestria de Ferrante.

É um livro bom mesmo, minha única crítica é que a história termina abruptamente, obrigando você a ler o próximo livro imediatamente. Mas como já existe o outro livro, “História de um novo sobrenome“, isso não é um problema muito grande, não é?

Ao ler “A Amiga Genial“, você vai ser transportado para a Itália, para a vida do dia a dia de lá, repleto de tomates, azeites e temperos!

Mas como na história os personagens vivem uma vida de pouco dinheiro, pensei que o prato podia ser mais simples – ainda que saboroso. E então a resposta veio em seguida: panzanella! Essa salada italiana rende 4 deliciosas porções e ainda dá pra reaproveitar aquele pão de ontem que você provavelmente jogaria fora.

post-cozliteraria-elenaferrante-02

Você vai precisar de:

2 tomates maduros
6 fatias de pão italiano amanhecido
1 cebola roxa
1 pepino
20 folhas de manjericão
3 colheres de sopa de vinagre de vinho branco
6 colheres de sopa de azeite
lascas de queijo parmesão a gosto
sal e pimenta-do-reino moída na hora a gosto

Como fazer: 

Complete uma tigela média com água filtrada e junte 1 colher (sopa) de vinagre de vinho branco. Coloque as fatias de pão e deixe de molho até que amoleçam levemente, coisa rápida, 15 segundos – a não ser que esteja bem velhos! Retire da água e rasgue as fatias em pedaços pequenos, com as mãos. Reserve.

Prepare os demais ingredientes: com um descascador ou faca para legumes, tire a pele e corte os tomates em cubos; descasque e corte a cebola em rodelas bem finas; corte o pepino também em fatias fininhas; e rasgue as folhas de manjericão. Transfira os ingredientes para uma saladeira e junte os pedaços de pão amolecido e as lascas de queijo parmesão. Regue com o azeite, o vinagre e tempere com sal e pimenta-do-reino – sempre moída na hora. Com duas colheres, os talheres de salada, misture delicadamente todos os ingredientes.

Cubra com filme e leve à geladeira por 1 hora. Antes de servir, deixe em temperatura ambiente por 5 minutos e acrescente mais lascas de queijo parmesão.

Tweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone
FacebookInstagramVimeoPinterestTwitter

Direto do Insta

Instagram has returned invalid data.

Assine nossa news

Arquivo